Home » Notícias » Brasil » Rio de Janeiro » Região dos Lagos » Araruama » O AMOR PELA MINHA PLATÉIA… | Jaida Mundim

Facebooktwittergoogle_plusredditpinterestlinkedinmail

Os caras andam dizendo que tou velha, gorda, fracassada… Eu dou risada…rs Adoro sorrir, aliás aos 54 anos bem vividos que tenho, as únicas rugas que me permito ter e tenho com orgulho, são as do sorriso… Adoro fazer rir e sorrir!

E sempre faço, pode perguntar a minha platéia, sempre sorrio para todos, porque nada devo, nada temo, sou feliz com o que tenho e, se me tiraram a platéia física, hoje me apaixono e cada vez mais me encanto com a minha platéia virtual, a gente hoje tem uma troca muito maior, o número de pessoas que eu consigo fazer sorrir é tão grande que, quase me faz esquecer do teatro, mas, aí eu penso nele e me dói no peito, saudades daquele palco, de peito aberto praquela platéia…

Agora falta pouco… a justiça ta realmente caminhando a passos de cágado, e a crença nela começa a esmorecer, eu não, eu não esmoreço, quero ver gente saindo algemada, como bandidos que são, hei de ver, sou uma mulher de fé…

Fé não somente na platéia, no ser humano como um todo, que até em certo momento se deixou corromper pela ilusão, mas, que aos poucos acorda…

Saudades do Teatro Municipal…

Beijo grande, querida platéia… Agora falta pouco para o nosso reencontro.C360_2016-03-10-10-08-47-533Jaida Mundim

Facebooktwittergoogle_plusredditpinterestlinkedinmail


Categorias