Home » Notícias » Brasil » Manifestantes vão ao Congresso contra financiamento privado de campanhas

Facebooktwittergoogle_plusredditpinterestlinkedinmail

Marcelo Camargo/Divulgação/Agência Brasil

Ato em frente ao Congresso Nacional com 200 sacos que representam dinheiro cobra reforma política

SÉRGIO LIMA – MÁRCIO FALCÃO

Representantes de entidades da sociedade civil instalaram nesta terça-feira (24) 200 sacos simbolizando dinheiro no gramado em frente ao Congresso Nacional.

O protesto é contra o financiamento privado de campanhas, que está em discussão por deputados na proposta de reforma política. A medida é considerada a principal polêmica do debate, colocando em lados opostos PT e PMDB, os dois maiores partidos do Congresso.

Segundo o integrante da Comissão para Reforma Política da CNBB, Marcello Lavenère, a ideia é mostrar para os congressistas a importância de banir o financiamento privado de campanhas.

“Nós estamos com 200 sacos simbolizando dinheiro numa manifestação contra essas propostas que constitucionalizam, que põem pessoas jurídicas, empreiteiras, financiando as eleições com consequências nefastas”, disse.

O financiamento das eleições divide até mesmo o PMDB, partido do presidente da Câmara, Eduardo Cunha (RJ), e que tem garantido que dará prioridade ao texto.

A maior parte dos peemedebistas que respondeu a uma sondagem interna declarou que prefere que as doações a candidatos sejam restritas a pessoas físicas ou que seja exclusivamente público. Mas a cúpula do PMDB, Cunha incluído, é a favor de que as empresas, hoje as maiores financiadoras das disputas eleitorais, continuem podendo fazer doações.

O STF (Supremo Tribunal Federal) caminha para proibir essa possibilidade, mas a Câmara pretende aprovar mudança na Constituição para incluir a doação de empresas antes que o tribunal conclua o julgamento.

viaManifestantes vão ao Congresso contra financiamento privado de campanhas – 24/03/2015 – Poder – Folha de S.Paulo.

Facebooktwittergoogle_plusredditpinterestlinkedinmail


Categorias