Home » Notícias » Brasil » Rio de Janeiro » Região dos Lagos » Iguaba Grande » Pedreiro é eletrocutado em obra que estava embargada em Iguaba Grande

Facebooktwittergoogle_plusredditpinterestlinkedinmail

Operário esbarrou em fio de alta tensão e não resistiu. Segundo fontes, a obra pertence a um vereador da cidade.

Um homem morreu ao esbarrar em um fio de alta tensão em uma obra no Centro de Iguaba Grande, na Região dos Lagos do Rio, no fim da tarde desta terça-feira (8). Anderson Lima, de 39 anos, era pedreiro e estava trabalhando no local quando foi eletrocutado.

Os fios passam pela varanda do edifício em construção, que fica em frente à Praça Edila Pinheiro. De acordo com a Prefeitura, a obra estava embargada e interditada quando o acidente aconteceu por não apresentar licença de construção, não possuir licença ambiental e alvará para construção.

O corpo da vítima foi encaminhado para o Instituto Médico Legal (IML) de Cabo Frio. Ainda não há informações sobre o velório e o enterro.

Confira a nota da Prefeitura na íntegra
“A Prefeitura de Iguaba Grande, através da Secretaria de Obras, Urbanismo e Serviço Público, lamenta e informa que a obra onde ocorreu o acidente na tarde de ontem (terça-feira), na Praça Edila Pinheiro, foi notificada a apresentar a licença para construção no dia 01 de julho de 2015, e em seguida embargada através do Auto de Embargo Nº 1646, no dia 09 de julho de 2015, e posteriormente interditada. Não havendo o cumprimento da interdição a mesma fora autuada. A Prefeitura também informa que houve embargo da Secretaria Municipal de Meio Ambiente, pois a mesma não possuía licença ambiental e alvará para a construção”.

Fonte: G1

Facebooktwittergoogle_plusredditpinterestlinkedinmail


Categorias